Dieta Japonesa é Saudável e Emagrece

Você já deve ter ouvido falar que a dieta japonesa emagrece até 10 quilos em uma semana. Será que isso é possível e, se for, é saudável?

A verdadeira dieta japonesa não é a mesma que é mostrada como a dieta da USP, que promete emagrecer até 10 quilos em sete dias, cujos resultados são alcançados devido à restrição de alguns alimentos. A dieta da USP é, na verdade, uma dieta de emergência.

A dieta japonesa tem mudado nos últimos anos, mas ainda é uma das mais saudáveis do mundo, devido ao consumo, em pequenas porções, de alimentos frescos, arroz, peixes, chás, saboreados com calma, que ajudam a eliminar o peso extra.

Estatísticas mostram que os japoneses têm a maior expectativa de vida do mundo, os homens vivem, em média, até os 78 anos e as mulheres, em média, até os 85 anos. Mesmo havendo altos níveis de poluição, stress, tabagismo etc., eles ainda vivem mais do que o resto do mundo.

Como é a Dieta Japonesa?

dieta japonesaUm dos principais ingredientes é o arroz. É pobre em calorias, tem baixo teor de gorduras e é rico em proteínas (para surpresa de alguns). O arroz branco também é uma ótima fonte de ácido fólico. É a principal fonte de carboidratos da dieta típica japonesa.

A maior fonte de proteínas é o peixe. Salmão, atum e truta, além de diversos tipos de frutos do mar como camarão e mariscos. Excelentes fontes de vitaminas A e D, ácidos graxos ômega-3, fósforo e selênio.

Os benefícios do peixe para a saúde incluem a melhora no funcionamento do cérebro, ajuda no crescimento e desenvolvimento e, provavelmente, previne contra doenças cardíacas, artrite e câncer.

Algas, saborosas e saudáveis que você vê em todos os lugares hoje. As algas contêm altos níveis de minerais (principalmente iodo) e microelementos. Também está repleta de proteínas e vitaminas A, C e B12.

Benefícios da Dieta Japonesa.

O povo japonês tradicionalmente come pouca carne vermelha e quase nenhum alimento que contêm gorduras saturadas (as gorduras “ruins”). Eles usam muito gengibre (ótimo termogênico), como tempero em muitos pratos, o que também ajuda a reduzir o colesterol.

dieta japonesa-chá verdeHá também menor índice de câncer no Japão e as razões não são totalmente conhecidas, mas acredita-se que o chá verde pode ajudar a diminuir o risco. O chá verde é extraído da “camélia sinensis”, a mesma planta do chá preto e o chá vermelho, mas é fermentado. Por isso, apresenta um elevado teor de antioxidantes poderosos, chamados polifenóis, que combatem os radicais livres que podem levar ao crescimento anormal de células cancerosas.

A soja é um ingrediente importante de quase todas as refeições tradicionais japonesas. Ela é usada de várias formas como tofu, edamame (soja verde), shoyu (molho de soja), natto (fermentado de soja) e miso (pasta de feijão). A soja é rica em proteínas, contém baixo teor de gordura e oferece todos os tipos de benefícios para a saúde. Muitas pessoas acreditam que ela reduz o colesterol e a pressão arterial.

Segredo da Dieta Japonesa.

Outra razão para a saúde e longevidade do povo japonês é expressa no provérbio hara-hachibun-me (um estômago que está 80% completo). Basicamente significa que se você comer até estar 100% satisfeito, você está exagerando; coma menos e você vai viver mais tempo, com mais saúde.

Os exercícios físicos regulares exercem um papel tão importante quanto a alimentação, contribuindo para ter o corpo e a mente mais saudáveis e por mais tempo.

A verdadeira dieta japonesa não é baseada na restrição alimentar, mas no hábito de um povo conhecido pela longevidade e sabedoria milenar.

 

a-saúde-brota-da-natureza

Compartilhar: