Bálsamo Planta Medicinal com Diversos Benefícios

O que é Bálsamo – Conheça a planta que pode curar

Planta originária da Ásia e da África do Sul, o bálsamo está ficando cada vez mais conhecido por suas propriedades que auxiliam no tratamento de diversos males.

A medicina natural, desde os tempos antigos, é muito popular e praticada, uma vez que serve para tratar, e principalmente, prevenir doenças. Tendo os seus primeiros relatos no início da civilização e sendo usada até os dias atuais, as plantas medicinais realmente são extremamente eficazes no tratamento de diversas enfermidades, já que muitas possuem propriedades anti-inflamatórias, cicatrizantes, relaxantes, e diversos outros princípios ativos.

Elas podem ser utilizadas tanto na forma de chás quanto em saladas e complementos na alimentação, sendo que devem ser ingeridas diariamente ou de acordo com recomendação médica.

bálsamo plantaNo entanto, uma planta em especial, atualmente, vem fazendo muito sucesso em farmácias. Essa planta é o bálsamo e promete curar diversas doenças crônicas e ainda servir como um relaxante muscular.

Pertencente à família das Crassulaceae, o bálsamo é uma planta suculenta, com flores de tom amarelado e de sabor ácido. Além disso, essa herbácea pode atingir até 0,50 metro de altura, sendo que a parte mais utilizada são as folhas mais frescas para preparação caseira, e o suco, óleo extraído do tronco e o sumo são partes das preparações farmacêuticas que podem ser encontradas em farmácias de manipulação.

Para que é indicada esta planta medicinal e quais são os seus benefícios?

Segundo a medicina natural, esta planta pode auxiliar e, até mesmo, curar diversas enfermidades, sendo mais indicada para o tratamento da diabetes, de queimaduras, da úlcera, da bronquite, inflamações da pele, musculares e gastrointestinais, epilepsia, torções, contusões, dores de cabeça, frieiras, infecções respiratórias e infecções do trato urinário.

Porém, uma medicina nunca anula a outra, portanto, o tratamento natural deve ser acompanhado por um médico, principalmente no caso do balsamo, já que ele pode curar ainda mais rápido, quando em conjunto com outras medicações.

Os benefícios do bálsamo se dão pelo fato de suas propriedades cicatrizantes, digestivas, terapêuticas e emolientes e, por isso, é muito útil. Os seus princípios ativos são: triterpenos, mucilagens, ácidos cinâmicos e benzoicos, taninos hidrolisáveis, alcaloides, piperidínicos e sesquiterpenos.

Como usar o Bálsamo?

Esta herbácea pode ser utilizada tanto externamente por uso tópico, podendo ser misturada a argila por esta ser bastante nutritiva, quanto também pode ser ingerida em formas de saladas para tratar de inflamações gástricas.

O bálsamo também pode ser ingerido em forma de chá e de suco. Em chá, você pode cozinhar a erva por 10 minutos, coar e tomar 2 vezes ao dia por uma semana. Já em suco, basta que você bata 10 folhas de balsamo com um copo de leite no liquidificador.

Contraindicações do Bálsamo

De uma maneira geral e de acordo com o resultado de diversos tratamentos, tanto a ingestão do bálsamo quanto o uso tópico não trazem nenhum maleficio ao organismo de quem o utiliza.

Porém, vale lembrar que cada pessoa sempre tem uma reação diferente ao uso da medicina natural e, por isso, antes de começar um tratamento natural é extremamente importante que você consulte o seu médico para ele te auxiliar e saber se a planta irá se adequar ao seu organismo sem comprometer sua saúde.