Óleo de Prímula

Você já ouviu falar do Óleo de Prímula? Ele está virando febre, principalmente entre as mulheres, para quem quer melhorar a pele, TPM, dermatite e também a hiperatividade infantil.

A prímula é uma planta originária da América do Norte que lá recebe o nome por uma característica peculiar, a “evening primrose”, ou seja, aquela que se abre quando a noite cai. Dessa planta é extraído um óleo muito associado ao bom funcionamento do organismo humano, isso porque nosso corpo não é capaz de produzir esse óleo.

O óleo da prímula é rico em um importante ácido graxo essencial, o ácido gama linolênico (GLA), que é extraído das sementes da planta. Esse ácido graxo (ômega 6) é fundamental para o nosso organismo e que ajuda, inclusive, no emagrecimento.

 

Os benefícios do Óleo de Prímula

Combate a dermatite: O Eczema endógeno, também conhecida como dermatite atópica, é uma doença hereditária que tem como principal característica uma inflamação crônica da pele. O óleo de prímula faz com que a perda de água pela pele seja menor, fazendo com que a epiderme fique mais elástica e hidratada. Além disso, as substâncias anti-inflamatórias do óleo diminuem os sintomas da dermatite, como a coceira.

 

ÓLEO DE PRÍMULA PARA TPM

Na TPM, ou Tensão Pré-Menstrual. O óleo de prímula possui uma substância que tem efeito anti-inflamatório, conhecida como ácido linolênico, que nada mais é do que um indicador de prostaglandinas de série 1. Esse ácido é necessário também para a formação de algumas substâncias que são capazes de regular os hormônios femininos, que sofrem alterações no período e, com isso, acabar com as alterações de humor, inchaço, dor nas mamas e irritabilidade.

 

ÓLEO DE PRÍMULA NA HIPERATIVIDADE INFANTIL

Já para a hiperatividade infantil, os ácidos graxos presentes no óleo de prímula trazem benefícios para crianças que apresentam o comportamento de irritabilidade e agressividade. Isso acontece porque estudos afirmam que o consumo de GLA, presente no óleo, atua nas alterações emocionais.

Com todos esses benefícios, o óleo de prímula vem ganhando espaço nas farmácias naturais e também como tratamentos alternativos, usados por terapeutas e médicos e que ajudam e muito as pessoas que já tentaram todos os tratamentos ou que não podem, por algum motivo, fazer o uso de medicamentos.

 

COMO TOMAR O ÓLEO DE PRÍMULA

A dosagem recomendada de óleo de prímula é de 2 a 8 gramas por dia, para adultos. No caso de crianças, em tratamento de erupções cutâneas, a indicação é de 2 a 4 gramas por dia. Para ser melhor absorvido pelo organismo, o óleo de prímula deve ser tomado durante as refeições.

 

CONTRA INDICAÇÕES DO ÓLEO DE PRÍMULA

O óleo de prímula não deve ser usado por pessoas portadoras de distúrbios hemorrágicos, epilepsia e esquizofrenia. Gestantes também não devem consumir o óleo de prímula, devido a sua capacidade de interferir na produção de hormônios.

 

ONDE COMPRAR ÓLEO DE PRÍMULA

O óleo de prímula é facilmente encontrado em farmácias especializadas em produtos naturais e também pela internet.

Veja também:

 

 

salgado congelado  Curso Brigadeiros Gourmet  Vencendo a Calvície


Fique Atualizado(a)!

▼ Digite seu E-mail e receba novos artigos em primeira mão! ▼


12 Comentários em “Óleo de Prímula

  1. Olá, Marcia.
    Obrigado pela sua visita.
    Apesar do óleo de prímula ser um produto natural, a interação com algum medicamento deve ser avaliada por um médico, devido ao histórico de cada pessoa.
    Se esse óleo é indicado para diminuir a irritabilidade, mas no seu caso o efeito é contrário, o ideal é procurar a opinião de um profissional, para evitar possíveis efeitos negativos futuros.
    Grande abraço.

  2. Faço uso de fluoxetina, e qdo tomo óleo de primula me sinto muito irritada e com insônia, existe alguma relação, já fiz uso de ansiolititico no passado.
    Obrigada!

  3. Olá, Elton.
    Obrigado pela visita.
    Existem casos de pessoas que tomam o óleo de prímula, diariamente, por mais de 1 ano. Porém, é sempre aconselhável consultar um médico, para avaliar a necessidade individual e possíveis efeitos.
    Grande abraço.

  4. Comecei a tomar esse óleo de primula agora vou aguardar para ver o resulta mas me parece muito bom.

  5. Obrigada pelo carinho e atenção! Tenho uma consulta marcada com meu médico em agosto vou falar com ele sobre este medicamento se posso tomar. Deus abençoe. Mas uma vez muito obrigada. Sucessos pra todos.

  6. Olá, Maria Geralda.
    Obrigado pela visita.
    Como seu caso é específico, devido ao uso de medicamento quimioterápico, o melhor é consultar um médico, pois mesmo sendo um produto natural, pode existir algum tipo de reação e um especialista pode orientar melhor para evitar qualquer tipo de efeito indesejado.
    Grande abraço.

  7. Oi gostei da reportagem sobre o óleo primula fiquei enteresada. Mas tenho uma dúvida? Em 2006 tive Ca de mama esquerda e durante cinco anos tomei o medicamento quimiohormonal TAMOXIFENO por isso não posso com reposição de hormônios. Mas estou sofrendo por demais ressacamento e muita dor na pélvica e infecções urinária direto. Gostaria se neste casa posso tomar este óleo. Se não tem contra indicações. Obrigada desde já.

  8. Oi estou tomando o óleo de primula…a duas semanas estou me sentindo muito bem,estava me sentindo antes uma agitação na minha cabeça um mal está . eu acho q e suntoma de menaupousa ja tenho 47anos…eu recomendo a tomar….

  9. Eu estou tomando. Só tem uma semana. Ainda não vi resultado mas estou confiando muito

plano-detox-michael

Política de Privacidade » Contato » Mapa do Site