Dieta Dukan – Prós e Contras

A Dieta Dukan se tornou uma das favoritas do público, conhecida pelo seu potencial de perda de peso rápida. Muitas pessoas, que buscam por alternativas variadas para emagrecer, na expectativa de encontrar métodos rápidos e efetivos, têm encontrado na Dieta Dukan, uma “solução”.

Seguindo a mesma linha da Dieta de Atkins, a Ditea Dukan também trabalha por fases, distribuindo sua alimentação em um cardápio repleto de nutrientes que estimulam seu metabolismo e sua queima natural de gorduras.

Também chamada de Dieta Francesa ou Prototal, a Dieta Dukan foi desenvolvida há dez anos pelo nutricionista francês Pierre Dukan. Saiba mais sobre o funcionamento da dieta e suas principais características a partir das informações dispostas a seguir:

O que é a Dieta Dukan

Assim como outros programas de dietas restritivas, a dieta Dukan é um método de emagrecimento que estimula transformações radicais em sua rotina alimentar, eliminando o consumo de alguns tipos de alimentos para evidenciar outros elementos. Contando com uma lista de regras e um cardápio bem dimensionado, a Dukan fornece ferramentas para que você perca peso rapidamente, com suporte nutricional livre de carboidratos, que são considerados os principais inimigos da forma física.

Como funciona a Dieta Dukan

dieta-dukanDa mesma forma que a Dieta Atkins, a Dieta Dukan trabalha a partir do exercício de quatro fases diferentes, que permitem ao individuo se adaptar e se organizar diante da necessidade da perda de peso.

Considerando as principais metas do individuo, a eliminação dos carboidratos de sua rotina alimentar é o primeiro ponto da Dieta Dukan, que concentra o consumo de proteínas em sua vida, como base para estimular a queima de gorduras.

Contando ainda com o apoio da prática de atividades físicas, a Dieta Dukan é um método efetivo para o rápido emagrecimento, contando com uma rotina diferenciada que promete transformar por completo a sua alimentação.

Fases da Dieta Dukan

A primeira fase da Dieta Dukan é o ataque, a mais radical de todo o processo, que tem duração de dois a sete dias. Nesta etapa, são permitidos o consumo apenas de alimentos com composição restritamente proteica, contando com alimentos como carnes magras, fígado, aves, peito e peru ou frango, frutos do mar, iogurtes, queijos, leite desnatado e ovos.

Na fase de cruzeiro, segunda etapa da Dieta Dukan, contamos com o consumo gradual de legumes e verduras, alternando ainda os dias de consumo de proteína com a ingestão de proteínas e vegetais juntos. Essa fase não apresenta período certo, sendo recomendada até que o individuo atinja o peso desejado. O consumo de muita água é necessário nessa fase.

As duas últimas fases estimulam a efetividade dos resultados. Na consolidação, com dez dias de duração para cada quilo perdido, são acrescidos outros alimentos como pães integrais, frutas e queijos, em porções.

Por fim, na estabilização permanente, que deve seguir até o fim da vida, o estimulo em manter o peso conquistado é feito a partir da seguinte lógica: Uma vez por semana, aplicar a fase de ataque; em sua rotina, contar com prática de atividades físicas; consumir três colheres de aveia por dia.

Vantagens da Dieta Dukan

A ingestão de alimentos ricos em proteína pode induzir a perda de peso rápido. O que já é um grande incentivo, já que a mudança física é notada em pouco tempo.

Desvantagens da Dieta Dukan

A não ingestão de carboidratos, principal fonte de energia, provoca irritabilidade, cansaço físico e mental. Além disso, o corpo passa a utilizar a massa muscular, como fonte de energia, diminuindo a disposição para quaisquer atividades físicas.

A Dieta Dukan é uma típica dieta de emergência, para quem quer emagrecer de maneira rápida, porém ela não faz a pessoa aprender a se alimentar de forma correta, pois elimina alguns nutrientes, como carboidratos, que ao serem convertidos em glicose, são responsáveis pela carga energética do corpo e necessários para a boa manutenção da saúde.

Muitas pessoas já se beneficiaram com a adoção da Dieta Dukan, em contrapartida, outras não se adaptaram devido à proibição do consumo de carboidratos, cujos efeitos podem ser de tontura, fraqueza e até desmaios.

O ideal é consultar um médico ou profissional de saúde, para fazer uma avaliação e saber qual dieta é recomendada em cada caso.

Leia também:

Curso Brigadeiros Gourmet  Vencendo a Calvície

acupuntura coreana da mão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − 7 =